Segunda, 17 de fevereiro de 2020
47 99116-3294
Política

04/02/2020 ás 07h50 - atualizada em 04/02/2020 ás 07h59

Pepa

Balneário Camboriú / SC

Improbidade administrativa: Justiça congela bens do prefeito Fabrício, Fernando Marchiori e mais dois
No início da noite, o prefeito Fabrício expediu nota oficial alegando estar tranquilo de sua inocência
Improbidade administrativa: Justiça congela bens do prefeito Fabrício, Fernando Marchiori e mais dois
Imagem Ilustrativa

A contratação dos Totens de Segurança sem licitação, pelo Governo Fabrício de Oliveira, foi motivo de uma ação de improbidade administrativa pelo Ministério Público de Balneário Camboriú.

Na denúncia, o promotor Jean Forest solicitou o congelamento dos bens dos quatro envolvidos no caso: prefeito Fabrício de Oliveira, o diretor de compras da época, Fernando Marchiori, responsável pela assinatura do contrato: a gestora do Fumtran, Maria Cristina Alcântara Andrade, e o guarda municipal Heduard Carlos da Silva.

Nesta segunda-feira (3), a juíza Ana Maria Lisboa, da Vara da Fazenda, determinou o bloqueio dos bens dos quatro denunciados, no valor de ate1,6 milhão, afim de garantir a reserva do valor, em caso de condenação.

No início da noite, o prefeito Fabrício expediu nota oficial alegando estar tranquilo de sua inocência.

Lei a nota na íntegra:
Sobre a decisão da Justiça no processo de contratação dos equipamentos de monitoramento e segurança da nossa cidade quero afirmar que:

1. Fiz exatamente o determinado e permitido por lei. Tenho a consciência tranquila de que tudo foi feito corretamente e dentro dos limites e imposições legais;

2. O processo, como todos durante o meu governo, passou por todas as fases internas de controle dentro da PMBC;

3. Seguirei defendendo tudo o que foi feito pelo meu governo neste caso, por ter certeza de sua legalidade nesse processo. Submeterei a decisão, através de recurso, ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina.

4. O MP baseou a ação em denuncias anônimas e contra o anonimato eu não posso lutar;

5.  A decisão é provisória e não aponta em definitivo existência de irregularidade, a qual será esclarecido no mérito do contraditório e ampla defesa, quando certamente se provará a inexistência de qualquer irregularidade ou má-fé. 

6. Reitero minha confiança na Justiça com a certeza de que provarei a regularidade e a lisura do processo administrativo. 

7. Por fim, Defenderei meu ÚNICO patrimônio – minha honra, com todas as forças da minha vida!


 


 


 

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Blog do Pepa

Blog do Pepa

Blog/coluna O blog do Pepa traz as principais informações da política do Litoral, Vale do Itajaí e de Santa Catarina. Diariamente, o jornalista Pedro Paulo Bento Carvalho Gonçalves, o Pepa, apresenta comentários sobre os mais variados temas do cotidiano da região.
Facebook
© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados