Sexta, 03 de abril de 2020
47 99116-3294
Segurança

12/02/2020 ás 13h20

Redacao

Itajaí / SC

Dois homens são presos suspeitos de estuprar e matar menina de 12 anos
Menina foi capturada enquanto voltada da escola
Dois homens são presos suspeitos de estuprar e matar menina de 12 anos

O Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO) efetuou nesta semana a prisão de dois suspeitos de terem praticado um crime em março de 2016 em Rio do Sul, até hoje não solucionado. Na época, o homicídio de uma menina de 12 anos teve grande repercussão em razão dos requintes de crueldade, em especial pela violência sexual.


A vítima foi Ana Beatriz Schelter, encontrada sem vida em março de 2016, a caminho da escola. O primeiro suspeito de envolvimento no homicídio foi preso em Florianópolis na segunda-feira (10). Já o segundo suspeito foi preso na manhã desta terça-feira, em Rio do Sul. No mesmo dia os agentes também cumpriram um mandado de busca e apreensão.


Diante da complexidade e relevância do caso, a 3ª Promotoria de Justiça de Rio do Sul solicitou apoio ao GAECO, por intermédio do Grupo Regional de Blumenau, visando à elucidação do crime bárbaro. O GAECO é uma força-tarefa composta pelo Ministério Público de Santa Catarina, Polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal e Secretaria Estadual da Fazenda.


Na época, a vítima havia saído de casa no dia 1º de março de 2016 para ir à escola, como fazia todos os dias. Uma câmera de monitoramento de uma empresa, localizada ao lado da casa da família, registrou as últimas imagens da menina com vida. A escola da garota ficava a 2 km de sua casa.


No fim da tarde, quando a mãe voltou do trabalho, não encontrou Ana Beatriz onde ela sempre a esperava. O corpo da vítima foi encontrado na manhã seguinte ao seu desaparecimento, dentro de um baú de caminhão, em uma empresa de locação de banheiros químicos. O local fica às margens da BR-470, a menos de 3 km da casa da família.


Segundo familiares, a garota ainda estava vestindo o uniforme da escola. Ela teria sido colocada sentada dentro do baú, com uma corda no pescoço. O laudo da morte apontou que Ana Beatriz morreu às 2h30.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados