Sábado, 22 de fevereiro de 2020
47 99116-3294
Cidades

25/10/2019 ás 18h27

Redacao

Itajaí / SC

Alunos criam projetos para uma indústria mais sustentável
Mostra Inova SENAI reúne trabalhos desenvolvidos por alunos e docentes que visam solucionar demandas do setor; neste sábado (26)

Quem passar pelo Universo #VemFazer SESI SENAI, em Jaraguá do Sul, poderá conferir de perto trabalhos desenvolvidos por estudantes e docentes para a Mostra Inova SENAI. O #VemFazer tem entrada gratuita e ocorre até este sábado (26), às 14 horas. Reaproveitar resíduos de processos produtivos é uma das principais características dos projetos da mostra.


Do SENAI em Joinville vem a ideia de reutilizar TNT hospitalar para a produção de filamentos para impressora 3D. "Transformarmos o TNT em placas de polipropileno que são trituradas e transformadas em filamento. O teste de capacidade do produto final, que avalia aspectos como durabilidade, tração, viscosidade e densidade, foi bem satisfatório", explicou André Luiz dos Santos, que cursa técnico em Química.


Já um projeto do curso técnico em mecânica de Joaçaba quer substituir o filamento usado em impressoras 3D por polipropileno granulado, que reduz os custos de produção e oferece o mesmo resultado. "Nosso objetivo ainda é conseguir aproveitar o PET nesse processo. Como esse material exige muito calor para ser processado – algo em torno de 300° - ainda estamos estudando a viabilidade dessa ideia", comentou o professor Felipe Basso.


Em Chapecó, provocados por uma empresa de papel e celulose, estudantes desenvolveram um paver sustentável. O projeto substitui 10% da areia usada na fabricação do paver por lodo residual do processo produtivo do papel, o que garante a mesma resistência e durabilidade. Para monitorar em tempo real o consumo do gás de cozinha, estudantes do SENAI em Mafra desenvolveram uma válvula inteligente que, utilizando internet das coisas (IoT), informa o nível do gás no botijão.


Na área de saúde e segurança, uma equipe de Lages criou o cinto detector de tensão. "Sensores instalados nos painéis captam a tensão da rede local e alertam para o risco de choques. Em caso de acidente, o GPS acoplado ao cinto informaria inclusive o local onde a manutenção é realizada, viabilizando socorro rápido", explica José Luiz da Luz. Empresas já manifestaram interesse em receber o projeto para teste-piloto. Em Mafra, estudantes do curso de aprendizagem industrial assistente administrativo desenvolveram uma etiqueta que informa os dados de saúde da pessoa, previamente cadastrados em uma plataforma. A etiqueta é lida pela aproximação de um celular NFC, uma tecnologia de comunicação sem fio presente em diversos smartphones.


A Mostra Inova SENAI tem como objetivo desenvolver a capacidade empreendedora, a criatividade e o raciocínio, por meio do desenvolvimento de projetos de inovação desde a concepção, planejamento, execução e apresentação para possíveis clientes.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Polícia Civil desarticula grupo criminoso que ordenou série de homicídios em Santa Catarina
Polícia Civil desarticula grupo criminoso que ordenou série de homicídios em Santa Catarina
Monitoramento aponta mais de 3 mil áreas com risco de deslizamento de terra
Monitoramento aponta mais de 3 mil áreas com risco de deslizamento de terra
Fluxo de veículos cresce 58% a partir da tarde desta sexta (21) na BR-101
Fluxo de veículos cresce 58% a partir da tarde desta sexta (21) na BR-101
Facebook
Últimas
Mais lidas
© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados